A Elecnor conquista 80,5 novos MW de energia eólica no Brasil
25 de setembro de 2013

Consolida-se como um dos líderes do país com um total de 564 MW

25 de setembro de 2013.- A Elecnor, através de sua filial eólica Enerfín, obteve a concessão de 80,5 novos MW de energia eólica no Brasil, país onde já detinha mais de 482 MW no estado do Rio Grande do Sul, dos quais 300 estão já em exploração e o resto em diferentes fases de construção e desenvolvimento. Com esta nova concessão, a Elecnor obtém uma potência total de 564 MW, o que a consolida entre os líderes do setor no Brasil. 

O projeto, adjudicado à Elecnor no âmbito do concurso de Fontes Alternativas organizado pelo governo brasileiro, será completado nos próximos três anos e se distribui em quatro usinas localizadas no estado do Rio Grande do Sul. Granja Vargas 2 (18,4 MW), Granja Vargas 3 (16,1), Cabo Verde 4 (29,9 MW) e Cabo Verde 5 (16,1 MW). 

Cumpre destacar que a Enerfín foi a única empresa espanhola que obteve potência neste concurso.