O lucro líquido da Elecnor aumenta 4,4% e as vendas sobem 6,5% no primeiro trimestre
O mercado espanhol continua a recuperação, com aumentos de 13,2% e de 27,5% em vendas e carteira, respectivamente
11 de maio de 2016

Madri, 11 de maio de 2016.- A Elecnor obteve, no primeiro trimestre de 2016, um lucro líquido consolidado de 19,3 milhões de euros, representando um aumento de 4,4% relativamente aos 18,5 milhões alcançados no mesmo período do exercício anterior. Este avanço foi conseguido graças ao negócio de infraestruturas e, fundamentalmente, à contribuição dos importantes projetos relacionados com as energias renováveis e com o transporte e transformação de energia que o Grupo desenvolve na América Latina (República Dominicana, Brasil, Chile e México) e África (Angola). 

Além disso, influenciou positivamente o bom comportamento dos resultados do mercado espanhol de infraestruturas e do negócio eólico da Elecnor no Brasil e Canadá.

Vendas 

A 31 de março passado, o volume de negócios era de 416,2 milhões de euros, representando um aumento de 6,5% em relação aos 390,7 milhões alcançados no primeiro trimestre do exercício de 2015. 

Por mercados, destacamos o crescimento de 13,2% do mercado espanhol que, nestes três primeiros meses, representa 45,5% do total das vendas face aos 54,5% do mercado internacional.

Para estes dados favoráveis tiveram especial influência fatores como o referido bom comportamento do mercado espanhol e a execução de relevantes contratos internacionais, apesar do fato de que alguns deles tenham sido reduzidos por uma cotação média do real de 4,3 reais por euro, face a 3,2 reais por euro do mesmo período do exercício anterior.

Carteira

Relativamente à carteira de contratos pendentes de execução, o montante ascendia a 2.544 milhões de euros em 31 de março passado. Desta carteira, 80% (equivalente a 2.025 milhões de euros) corresponde ao mercado internacional. Por sua vez, a carteira do mercado espanhol continua a recuperação e aumenta 27,5%.